Mostrando postagens com marcador clearlight. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador clearlight. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 7 de maio de 2015

Clearlight - Forever Blowing Bubbles [1975] [REMASTERED WITH BONUS TRACKS] - France / França



Depois de seu trabalho experimental em "Delired CHameleon Family" Cyrille Verdeaux organizou seu CLEARLIGHT em 1975 para um segundo álbum pela Virgin. O line-up oficial consistia de Verdeaux no piano/teclados, Bob Boisadan no piano elétrico/sintetizador, Jean-Claude d'Agostini nas guitarras/flauta/sax, Christos Stapinopoulos na bateria e no baixo Joël Dugrenot/voz. Entretanto há uma abundância de participantes convidados no álbum como ex-KING CRIMSON David Cross no violino, Christian Boulé na guitarra, Gilbert Artman na bateria/percussão e Bruno Verdeaux no sintetizador e congas, juntamente com um par de cantoras.

Este álbum é bem semelhante ao "Clearlight Symphony", talvez com um sabor jazzístico mais acentuado em certos momentos, mas ainda com muitas influências clássicas e intensas soundscapes. há uma quantidade pesada de atomosferas caóticas, orquestrações Fusion, onde as guitarras complexas de d'Agostini "respondem" ao piano elétrico de Boisadan e o Mellotron pesado de Cyrille Verdeaux. Ainda assim a música permanece praticamente equilibrada entre as referências sinfônicas, muitas vezes coloridas com interlúdios de piano suave e quebras de guitarra melódicas ou mesmo algum bom trabalho flauta, interlúdios jazzy com guitarras frenéticas e execuções impressionantes sobre a seção rítmica e explorações cósmicas com sintetizadores em evidencia. Eles soam muito perto de compatriotas como CARPE DIEM, mas o CLEARLIGHT (talvez junto com GONG) foram mestres na produção de  do Fusion "espacial", liderado pelas distorções nas guitarras e as unidades de sintetizador verdadeiramente convincentes sobre o som analógico primordial dos teclados. As performances de violino e saxofone ímpares de David Cross e Jean-Claude d'Agostini reforçam ainda mais este sabor único, mas Cyrille Verdeaux mantém o fundo orquestral evidente em muitas das peças contidas, tendo o Mellotron como o instrumento principal.

A música desse disco pode ser intrincada e por vezes perturbadora mas o resultado final é extremamente satisfatório. Esta versão está acrescida de algumas faixas extras que incorporam mais luz ao trabalho de Verdeaux.

Recomendado para os fãs de Space-Rock e Symphonic Jazz Rock.


Tracks:
1. Chanson (4:45)
2. Without Words (7:40)
3. Way (8:15)
4. Ergotrip (6:24)
5. Et pendant ce temps la (4:42)
6. Narcisse et Goldmund (2:39)
7. Jungle bubbles (2:42)
Bonus tracks: 
8. Sweet absinthe (7:48)
9. Without words (Mellotron remix) (7:43)
10. Flute aquatique (2:45)
Time: 55:28

Musicians:
- Bob Boisadan / keyboards, synths.
- Jean-Claude D'Agostini / guitars, flute
- Joel Dugrenot / lead vocals, bass
- François Jeanneau / bubbles synthetizers, flute, soprano sax
- Christos Stapinopoulos / drums, congas
- Cyrille Verdeaux / keyboards, gongs, congas, synthesizers, Mellotron, glockenspiel
- Amanda & Ann / celestial choir
- Gilbert Artman / drums, percussion, vibraphone, maracas
- Christian Boulé / cosmic guitar
- David Cross / violins
- Brigitte Roy / vocals (6)
- Bruno Verdeaux / synthesizer, aquatic congas

Format: flac (tracks + cue) = 330 mb = Mega
Format: mp3 (320 kbps) = 134 mb = Mega

Clearlight - Forever Blowing Bubbles [1975] [REMASTERED WITH BONUS TRACKS] - France / França

Pesquisar este blog

WORLD