Expandir Player
Mostrando postagens com marcador triana. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador triana. Mostrar todas as postagens

domingo, 1 de junho de 2014

Triana - Hijos Del Agobio [1977] - Spain / Espanha


Se o meu espanhol está correta, a tradução em Inglês do título do álbum é "filhos da opressão." Para mim, este é um disco sólido, com alguns momentos excelentes. As várias manifestações de guitarra, tanto acústica e elétrica, quando emparelhadas com um teclado mais experimental é o aspecto marcante deste álbum. Fãs de STEVE HACKETT e CAMEL provavelmente vão apreciar este casual, espanhol com sabor de rock sinfônico.

"Hijos del Agobio" inicia o disco com teclados descontraídos e um vocal forte e robusto, enquanto o baixo oferece arpejos ocasionais. As interrupções de guitarra são muito semelhantes aos do início de STEVE HACKETT.

"Rumor" mais dinâmica e com um toque latino-americano dançante, a segunda parte ainda mantém a textura sinfônica confortavelmente solta da primeira música. O toque de guitarra é mais apaixonadao e mais pesado, com algumas manifestações bem criativas.

"Sentimiento de Amor" é romântica e triste, bem melancólica com sintetizador e guitarra com cordas de nylon.

"Recuerdos de Triana" Esta é uma faixa mais experimental, com tons de teclado estranhos e um tambor solando, contrasta um pouco com o resto do álbum.

"¡Ya esta bien!" possui uma bateria rápida e traz uma música pesada composta por guitarras barulhentas e sintetizador elegante. 

A faixa eu vem emendada na sequencia é "Necesito" eu começa com guitarras poderosas. Com grandes vocais e teclados simplistas, Triana soa como uma versão grosseira de CAMEL.

"Sr. Troncoso" Após a sonoridade da música anterior, é uma boa canção acústica pacífica para equilibrar o álbum. Ele constantemente pega ritmo com palmas e uma guitarra elétrica distante.

"Del Crepusculo Lento Nacera el Rocio" tem um violão Adorável é justaposta com sintetizador mais discordante. A guitarra elétrica é em camadas e fantasmagórica, um dos momentos mais maravilhosos do álbum. O que logo se segue são estratos desarmônica de teclados e percussão. 

Enfim, o disco faz um belo completamento do mais bem explorado tema "flamenco" do álbum anterior. não deixa de ser uma bela aquisição !!


Tracks:
1. Hijos del Agobio (5:18)
2. Rumor (3:20)
3. Sentimiento de amor (5:32)
4. Recuerdos de Triana (2.50)
5. !Ya esta bien! (3:12)
6. Necesito (4:04)
7. Sr. Troncoso (3:28)
8. Del crepusculo lento nacera el rocio (5:50)
Total Time: 33:34

Musicians:
- Jesus De La Rosa / voz, teclados y guitarra en "Sr. Troncoso"
- Juna José Palacios (Tele) / percusión, efectos especiales y moog en "Recuerdos de Triana"
- Eduardo Rodriguez R. / Guitarra, voz en "Del crepúsculo lento, nacerá el Rocío", voces en "Sr. Troncoso" e "Hijos del Agobio"
- Antonio Perez / guitarra eléctrica
- Manolo Rosa / bajo eléctrico y guitarra española en "Del crepúsculo..."
- Enrique Carmona / introducción guitarra en "Del crepúsculo..."
- Miguel Angel Iglesia / voces de ambientación y desahogo microfónico en "Recuerdos de Triana"

Format: mp3 (320 kbps) = 77 mb = Yandex

Triana - El Patio [1975] - Spain / Espanha


Possivelmente, o nome mais forte da década de 70 bandas de Rock-Prog espanholas, Triana foi o resultado de uma idéia do tecladista Jesus De La Rosa, que foi um músico bem conhecido da cena local do Sevilla, mas cansado da música tradicional decidiu formar uma banda de rock progressivo com raízes fortes no flamenco. Então formou esse trio junto com Juan Jose Palacios (bateria / percussão) e Eduardo Rodriguez (guitarra).

O álbum'' El Patio'' foi lançado em 1975 e foi uma combinação única de rock progressivo com teclados atmosféricos e flamenco. O bom mellotron, os arranjos sinfônicos ea voz majestosa de De La Rosa combinam incrivelmente com a bateria jazzificada/étnica orientada de Palacios e o estilo flamenco da guitarra de Rodriguez

Infelizmente, "El Patio'' foi amplamente despercebido devido à sua pobre promoção, contudo você não vai acreditar em seus ouvidos, quando você apreciar essa jóia fantástica.

"Abre la Puerta" começa com uma guitarra flamenca, piano e introdução de Mellotron que levam diretamente a uma passagem muito dramática de extrema beleza com Eduardo Rodriguez compartilhando suas habilidades na veia de Segovia. Os vocais de Jesus de La Rosa são perfeitos para a música, é uma música fantástica.

"Se de un Lugar" começa com a clássico vocal profundo de Jesus de la Rosa, logo seguido por um violão requintado que lhe acompanha perfeitamente, e, em seguida, a variação começa, guitarras e teclados dando um sabor especial Sinfônico sem nunca deixar completamente a atmosfera mourisca/espanhola, com um Moog, que dá um sabor especial

Mas quando você acredita que tudo vai fluir com normalidade e sem qualquer surpresa, Triana nos atinge com toda a artilharia pesada, entrando em território do rock com alguns efeitos especiais que se desvanece e ressuscita em um alguns instantes para permitir que a guitarra flamenca volte a entoar. 

"Todo es de Color" é uma canção curta com guitarra e voz que combinam perfeitamente, isso não é exatamente um território prog, mas nós estamos falando sobre música étnica pura com alguns efeitos, ainda é impressionante, porque ele funciona como um interlúdio Andaluz para nos preparar para a faixa seguinte.

"Luminosa Mañana" começa muito promissora e, finalmente, uma perfeita fusão de estilos acontece, a atmosfera espanhola combina perfeitamente com algum tipo de riff de órgão psicodélico que é extremamente dramático, não decepciona em momento algum.

"Diálogo" tem uma introdução estranha que mistura um par de acordes de teclado simples com algum violão, mas a banda vai "num crescendo", não só em volume, mas também a adição de vocais e mais instrumentos como se estivessem a preparar-nos para uma enorme explosão .. E a explosão começa com o Moog, mas desaparece de novo e incrivelmente eles começam tudo de novo até que o êxtase chega no último, leva algum tempo, mas é alcançado o objetivo.

"En el Lago" começa suave novamente com guitarra e teclado, quase que instantaneamente os tambores e vocais se juntam com um órgão ácido que cria um clima Psicodelico/íntimista, a parte final é simplesmente notável.

TRIANA fecha o disco com fantásticamante com "Recuerdos de una Noche", se fosse apenas para esta faixa, o álbum já valeria a pena comprar, a mistura de gêneros, estilos, humores e atmosferas é nada mais nada menos que perfeito!!!!!!

Para conhecer o trabalho de Triana seria recomendável começar com este álbum e, em seguida, obter "Hijos del Agobio" sendo que é o caminho natural para ouvir uma banda que estava no seu maior momento artístico, criativo e emocional.


Tracks:
1. Abre la Puerta (9:53)
2. Luminosa Mañana (4:05)
3. Recuerdos de una Noche (4:42)
4. Sé de un Lugar (7:10)
5. Dialogo (4:32)
6. En el Lago (6:38)
7. Todo es de Color (2:09)
Total Time: 39:09

Musicians:
- Jesus de la Rosa / vocals, keyboards
- Juan Jose Palacios / drums and percussion
- Eduardo Rodriguez / flamenco guitar
+
- Antonio Perez / electric guitar
- Manolo Rosa / bass

Format: mp3 (320 kbps) = 94 mb = Yandex

Pesquisar este blog

WORLD