Expandir Player
Mostrando postagens com marcador bloque. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador bloque. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 5 de junho de 2014

Bloque - Hombre, Tierra Y Alma [1979] - Spain / Espanha


Devido à situação política na década de 70 os melhores álbuns de rock progressivo espanhol só foram lançado depois da segunda metade da década, quando o auge do Prog já tinha sido alcançado em outros países. Ao contrário de outras grandes bandas espanholas como CRACK ou TRIANA sendo influenciadas principalmente pelo jazz ou flamenco o Bloque estava usando, uma abordagem mais perto de de rock sinfônico italiano a partir desse período. Seu segundo lançamento "Hombre, Tierra y Alma" foi certamente o seu trabalho mais coerente e o melhor sendo comparado aos melhores álbuns de bandas mais conhecidas nesse gênero.

"Humanidad indefensa" abre o álbum em uma atmosfera bastante apocalíptica com o som de vidro estilhaçando seguido por algumas crianças chorando e teclados bombásticos. A música continua na melhor tradição do rock 

sinfônico italiano com vocais surpreendentes, acompanhados por guitarra psicodélica e teclados de bom gosto. 

"Ya no hay nada en la calle" é mantida em uma veia mais suave e baladesca com uma guitarra acústica e teclados suaves soando como flautas.  Linda canção.

"El llanto del poeta" tem letras poéticas cantadas por um coral de crianças combinados com um grande solo de guitarra elétrica. 

As próximas três faixas curtas representam de fato uma mini-suite, que se iniciam numa veia mais pesada com um vocal bem forte e poderoso. A suíte é composta por: a). En infierno esta aquí? parte I; b). Una posibilidad; c). En infierno esta aquí? parte II. Especialmente em sua última parte: Esta [ultima parte com um ótimo riff de guitarra.
  
"Meditacion Parte I", consiste de solenes e sintetizadores com sons místicos. Como na faixa anterior,constitui, juntamente com "Descubrir el Sentido terrível de la Vida" e "Meditacion Parte II" uma outra mini-suite. 

O mesmo vale para as três últimas faixas apresentando excelente guitarra e teclados duplamente combinados com algumas letras parcialmente falado poéticos e coisas mais assombradas.

A última faixa, "Por fin he vuelto a ti" distoa um pouco do resto do disco. É totalmente instrumental porém com um ótim entrosamento da banda e demonstra todo o potencials dos músicos principalmente o talento para a criação de riffs de guitarra acompanhado do teclados.

Disco altamente reomendando que possui um estilo que agrdará a qualquer amante do Prog sinfônico italiano. 

Para conhcer a banda recomendo que comece por este álbum


Tracks:
01. Humanidad indefensa - 6:03
02. Ya no hay nada en la calle - 3:32
03. El llanto del poeta - 3:10
04. En infierno esta aquí? - 5:15 including:
 a). En infierno esta aquí? parte I
 b). Una posibilidad
 c). En infierno esta aquí? parte II
05. Meditación - 6:57 including:
 a). Meditación parte I
 b). Descubrir el sentido terrible de la vida
 c). Meditación parte II
06. El verdadero silencio - 7:00 including:
 a). El verdadero silencio parte I
 b). La muerte renacida
 c). El verdadero silencio parte II
07. Por fin he vuelto a ti - 4:33
Total Time: 36: 48

Musicians:
- Sixto Ruiz - acoustic & electric guitars, vocals
- Juan José (Juanjo) Respuela - acoustic & electric guitars, vocals
- Juan Carlos Guitiérrez - keyboards, vocals
- Carlos Terán - drums, percussion, vocals
- Luis Pastor - bass

Format: mp3 (320 kbps) = 86 mb = Narod
Fotmat: flac (imahe + cue) = 266 mb = Torrent

Pesquisar este blog

WORLD