sexta-feira, 11 de outubro de 2019

PULSAR • Halloween [1978] • France/França




Em 1976, a Kingdom Records organizou uma grande turnê de promoção para o segundo álbum do PULSAR, "The Strands of Future" ao lado de um novo grupo denominado SOL WADING. Como o álbum de estréia do SOL, foi cancelado o PULSAR teve que pegar a estrada sozinho com uma agenda reduzida em cerca de 10 apresentações. Isso bastou para a banda ganhar mais publicidade e aumentar as vendas de "Strands...", foram mais de 40.000 copias. Michel Masson se juntou a banda no baixo e a banda estava em busca de um novo rótulo, já que o contrato com Kingdom Records tinha expirado. então assinaram com a CBS, que imediatamente empurrou a banda para escrever um novo material. Se mudaram para uma fazenda nas montanhas da região de Savoy, onde a maior parte de seu próximo trabalho foi escrito. Foram para o Aquarius Studios em Genebra com o ex-YES Patrick Moraz ajudando na produção e realizaram em dezembro de 1977 e o terceiro álbum intitulado 'Halloween", o disco mais ambicioso criado pelo grupo, composto por duas peças de soslaio, que também são ligadas umas as outras. 

"Halloween Parte I" com cerca de 20 minutos incia-se com a voz aguda de um menino que introduz o ouvinte a esta composição deslumbrante. Em seguida, ondas de mellotron e flautas esvoaçantes, seguidas por um violão delicado, é definitivamente um das melhores partes dessa peça que contém grandes mudanças instrumentais e de humor, caracterizando orquestrações hipnóticas com poderosos sintetizadores cósmicos e cores acústicas melancólicas, mas também há algumas grandes "levadas" sinfônicas com mellotrons e sintetizadores dominantes e nervosas guitarras. Com certeza um das melhores criações do grupo, dividida em quatro seções, sendo em grande parte instrumental com apenas alguma narração feminina nos segundos iniciais e alguns vocais masculinos no final, combinando a abordagem PINK FLOYD com o velho KING CRIMSON e estéticas do GENESIS. O PULSAR tem som muito pessoal, cheio de atmosferas dramáticas e de contos de fadas na mesma trilha. Fantástico o uso inteligente de sintetizadores, muito profundos, paisagens sonoras Spacey e grande obra orquestral em mellotron. Uma peça de música para admirar.

'Halloween Parte II' é apenas um minuto mais curta do que a peça de abertura, mas não exatamente a par com a inspiração da banda durante os primeiros 20 minutos. Na verdade, este é mais um épico bem entregue pelo grupo, ainda mais diversificado e flexível, com a adição de alguns sax, flauta e violino, mas não consegue alcançar a profundidade instrumental da abertura. Novamente oferece um descontraído, Space-Music-Symphonic com foco atmosfera, limitando a presença de texturas melódicas, elétricas em uma questão de paisagens sonoras. O vocal de Gilbert Gandil chega muito perto ao CLEARLIGHT em vários momentos, especialmente durante a segunda parte, que apresenta interferência dos electronics.

Aqui está o mix mais equilibrado entre Sinfônico e Space Rock. Fortemente recomendado para apreciadores do Prog Sinfônico e do Space Rock.

Obs: Para quem tem as primeiras versões em CD do álbum, esta vem com as faixas separadas diferentemente das versões anteriores que unem as faixas do antigo lado A do vinil e lado B.

Tracks:
1. Halloween Part I (20:30)
 - a) Halloween Song (1:20)
 - b) Tired Answers (9:30)
 - c) Colours Of Childhood (6:00)
 - d) Sorrow In My Dreams (3:40)
2. Halloween Part II (18:40)
 - a) Lone Fantasy (4:50)
 - b) Dawn Over Darkness (6:10)
 - c) Misty Garden Of Passion (2:15)
 - d) Fear Of Frost (3:35)
 - e) Time (1:50)

Time: 39:10

Musicians:
- Victor Bosch / drums, percussion, vibes
- Gilbert Gandil / guitars, vocals
- Michel Masson / bass guitar
- Roland Richard / flute, clarinet, acoustic piano, strings
- Jacques Roman / keyboards, Mellotron, synthesizers,

Guest musicians:
- Xavier Dubuc / congas
- Sylvia Ekström / child voice (1a)
- Jean-Louis Rebut / voice (2e)
- Jean Ristori / cello


Yandex [FLAC]
Yandex [MP3 320K]
Mega [MP3 320K]

Nenhum comentário:

Pesquisar este blog

WORLD